7 dicas para evitar as varizes

As varizes são veias dilatadas que podem afetar qualquer parte do corpo, sendo mais comum nas pernas e nos pés por ficar muito tempo parado em uma mesma posição. Ficar sentado por muito tempo e não se movimentar com frequência aumenta a pressão dos membros inferiores podendo ocasionar as varizes.

Além do incômodo estético, algumas pessoas com varizes podem apresentar dor, ardor, peso nas pernas, pés e tornozelos, além de inchaço, principalmente no fim do dia. Sintomas como coceira, mudança da cor da pele e ressecamento também podem ocorrer.

 

Quem pode ter varizes?

 

Existe um grupo de risco que deve ser observado com atenção, entre eles podemos citar:

– pessoas do sexo feminino;

– mulheres que estejam grávidas;

– herança genética;

– predisposição familiar;

– obesidade;

– ter doenças que aumentam a pressão no abdômen, com doenças no fígado;

– pessoas com histórico de tromboses.

 

É importante destacar que somente o fator genético não determina necessariamente que o paciente tenha varizes. Todas as precauções para evita-las são necessárias e devem ser praticadas. É preciso cuidar de todo o entorno, tendo os cuidados necessários para não desenvolver varizes.

 

Quais são as causas e os sintomas?

 

Algumas pessoas podem não apresentar sintomas mesmo tendo varizes. Outras podem ter alguns incômodos significativos, sentindo um peso extra na parte inferior do corpo, tendo a impressão de estar retendo líquido por conta do inchaço, além de apresentar a pele seca.

 

Qual médico é especialista em tratar varizes?

 

Caso você necessite se consultar com um especialista no assunto, o ideal é que você procure por um Angiologista ou um Cirurgião Vascular. Esses profissionais são especialistas e podem propor o tratamento mais adequado.

 

Quais são os tratamentos disponíveis?

 

Os tratamentos variam entre os mais simples aos mais complexos. Entre os mais simples e fáceis de realizar são a prática de exercícios físicos, manter um peso saudável, evitar usar roupas apertadas, elevar as pernas sempre que possível, evitar ficar muito tempo sentado ou parado na mesma posição e usar meias de compressão. Há quem use remédios como o varicell, mas é preciso indicação médica.Outros tratamentos podem se tornar necessários, dependendo da gravidade do problema, como fazer a escleroterapia, e em último caso, fazer um dos tipos de cirurgias disponíveis: convencional, com radiofrequência, espuma eco guarda ou realizar uma mini cirurgia com anestesia no local.

 

 

7 dicas para evitar as varizes

 

Algumas dicas e práticas fáceis de realizar no dia a dia ajudam a prevenir o aparecimento de varizes. São elas:

1- Praticar atividade física com frequência, ao menos três vezes por semana;

2- Manter o peso saudável, pois a obesidade potencializa as chances de ter varizes;

3- Usar alimentos como aliados na prevenção, como o consumo de alimentos com alto teor de fibras, além de evitar o consumo de alimentos prejudiciais à saúde (industrializados);

4- Reduzir o consumo de sal durante as refeições;

5- Evitar o uso de meias e calças muito apertadas;

6- Colocar as pernas acima do resto do corpo com frequência;

7- Mudar de posição sempre que possível, levantando e fazendo alguma caminhada rápida.

Conclusão

É importante ter em mente que as varizes são um problema que embora pareça simples, pode se tornar bastante sério, por isso procure sempre seu médico de confiança, para que ele possa analisar e verificar esse problema de forma mais consistente.

 

Dúvidas e sugestões de novos artigos, podem deixar nos comentários!

Deixe um comentário