Como Impor Limites em seus Filhos

Ter um bom relacionamento com os seus filhos é a maior prioridade na vida dos pais, mas dizer um “não” pode ser a maior demonstração de carinho que você pode ter com o seu filho. Ouvir alguns “nãos” durante a infância e adolescência pode até que não ser muito agradável para o seu filho, mas isso pode fazer com que ele saiba fazer as suas próprias escolhas no futuro, pode fazer com que ele saiba a diferença do certo e do errado.

Muitos pais de primeira viagem mimam demais os seus filhos e não conseguem impor limites a eles quando eles ficam maiorzinho, tudo isso pode ser evitado se você toma as rédeas da educação do seu filho desde pequeno. Hoje em dia muitas pessoas negligenciadas no quesito educação pelos pais quando eram crianças entram numa vida de crimes e marginalização. Um bom exemplo disso é um ladrão, ninguém rouba porque é pobre ou porque simplesmente tiveram uma oportunidade de se dar bem ilegalmente, as pessoas roubam porque, muitas vezes, os pais não souberam ensinar as regras morais e de convivência da sociedade para os seus filhos.

Para os pais impor limites para os seus filhos é realmente o grande desafio, muitas vezes os pais não estavam preparados para ter uma criança, ou até mesmo o comportamento da criança seja um pouco mais explosivo ou agitado do que o das outras crianças da mesma idade. Normalmente isso acontece com os pais de primeira viagem, impor limetes aos seus filhos não é uma tarefa fácil, mas existem algumas dicas que podem te ajudar:

  • É muito importante que a criança se sinta querida e respeitada e que perceba que as regras impostas são para sua segurança, aceitação social e desenvolvimento;
  • Adultos equilibrados despertam a confiança das crianças. Adultos impulsivos tendem a criar filhos com igual característica de comportamento;
  • Devemos ensinar desde cedo às crianças a lidar com suas frustrações e controlar suas expressões de desagrado;
  • É importante que o adulto esteja muito seguro das razões pelas quais está exigindo que a criança tenha este e não aquele comportamento;
  • Educar é uma tarefa trabalhosa, que requer persistência e autodomínio. Buscar ajuda profissional é o mais indicado antes que as coisas fujam de controle;
  • Ensinar a criança a se conhecer dentro de suas potencialidades e limitações reais e incentivá-la a crescer de forma socialmente saudável faz parte da educação;
  • Educar um filho para adaptar-se a todas as situações da vida é dar-lhe meios de conquistar a própria autonomia e felicidade;

Com certeza existem muitas outras dicas que você pode seguir para que a criação dos seus filhos seja a melhor possível, basta usar do bom senso e pensar se a sua atitude a respeito do seu filho é realmente coerente, e se você deixou claro do porque você está fazendo ou falando determinadas coisas.

Vale lembrar que a vida de uma criança precisa sim ter uma certa liberdade e descontração, portanto não seja tão inflexível, faça tudo ao seu alcance para que a infância do seu filho seja a melhor possível. Crianças precisam de brincar com os amigos, com brinquedos, conversar, se relacionar com todos os tipos de pessoas, etc., tudo isso ajuda no seu desenvolvimento em sociedade.

Deixe um comentário