Escolha o decote que combina com você

Escolher o tipo de decote certo é difícil as vezes com tantos modelos “O decote errado pode deixar a mulher mais gordinha ou até mesmo causar constrangimentos, como deixar o seio à mostra”,
a consultora de moda Ângela Valieira explica a seguir, a especialista ensina a fazer a compra certa.

Seios pequenos

As mulheres que apresentam seios pequenos costumam reclamar e até sonham com o dia de colocar silicone, mas de acordo com a especialista, são elas que podem abusar dos decotes sem medo de parecer deselegante. “Quem tem pouco seio pode tudo. O peito pequeno é sinônimo de bom caimento para qualquer tipo de roupa. Os vestidos de festa super decotados, por exemplo, ficam muito bem nelas”, diz a especialista.

Seios médios

Quem apresenta este biótipo, também pode abusar dos decotes, mas tomando cuidado para não ficar com o visual vulgar. “Os decotes redondos, quadrados, canoa e em V ajudam a valorizar os seios médios, mas é preciso tomar cuidado para que eles não sejam muito profundos e acabem mostrando demais”, diz Ângela. “Para não passar por nenhuma saia-justa, fica a dica de se olhar no espelho, de lado, para ver se o decote não está revelando mais do que você deseja e colocando o seu look em risco”.


Seios grandes

A primeira dica para quem tem seios volumosos é acertar na escolha do sutiã. “Antes de pensar em decote é preciso escolher uma lingerie bem estruturada e com bom suporte. Os tecidos também precisam ser mais firmes, já que os finos e molengas não valorizam os seios”, diz Ângela. “Decote canoa e decotes redondos, não muito profundos, disfarçam o excesso, enquanto os decotes em V pedem cuidado para não mostrar demais a comissão de frente avantajada e acabar deixando o look muito ousado. Uma dica é usá-los com uma blusa de decote quadrado por baixo criando uma linha reta que esconde os seios”, ensina. “Cintura marcada, ou corte império (logo abaixo dos seios) são fundamentais para que os seios fartos não façam a mulher parecer gordinha”, diz.

Tomara-que-caia

Decote marca registrada o verão, ele consegue deixar todos os seios mais bonitos e ainda alongar a silhueta. “Todas as mulheres podem investir no tomara-que-caia, mas o segredo está no tecido. Quem tem o seio pequeno pode optar por panos soltinhos e leves que deixam o visual elegante e não marcam o peito, já quem tem os seios médios pode optar por tecidos mais grossos que oferecem mais estabilidade”, explica. “Para as mulheres de muito seio, o ideal são as peças que ofereçam muita sustentação. Existem versões que contam com um suporte especial para elevar os seios”, explica a especialista.

No trabalho

Evite os decotes profundos. “O ideal é que o decote seja o mais discreto possível. Para essas ocasiões, devemos nos preocupar em deixar o visual mais neutro. Prefira os decotes retos, que são menos chamativos”, diz Ângela.

Na balada

Se a ideia é evidenciar os seios, o decote em V é uma boa aposta. “O V profundo, em um tecido bem estruturado e com um pouco de brilho, é o ideal para esses momentos, já que valorizam os seios e transmitem um ar mais despojado para o look. Só precisamos tomar cuidado com a estrutura do tecido; os molinhos exigem atenção redobrada, principalmente na hora de dançar”, explica a especialista.

Quando o decote fica vulgar?

“O decote se torna vulgar quando mostra mais do que deve. Para analisar se isso está acontecendo, incline-se um pouco para frente, em frente ao espelho, para perceber como será a visão de quem é mais alto que você”, explica Ângela.

Decote x Sutiã

Está pensando em deixar o sutiã aparecendo no decote? Se for uma composição que tenha a ver com seu estilo e personalidade, está liberado, mas as chances de cometer deslizes e detonar o visual são enormes.”A atitude pode denunciar vulgaridade ou desleixo”, diz Ângela.

Deixe um comentário