Fernando Pessoa – Biografia

Fernando Antônio Nogueira Pessoa nasceu em Lisboa, no dia 13 de Junho de 1888, filho de Maria Madalena Pinheiro Nogueira e de Joaquim de Seabra Pessoa.É considerado um dos melhore poetas da língua portuguesa e da literatura universal. Aos 6 anos de idade, Fernando Pessoa foi morar África do Sul, onde aprendeu a dominar o inglês, e das quatro obras que lançou ainda quando estava vivo, três são no idioma inglês. Durante sua vida, Fernando Pessoa trabalhou em muitos lugares como correspondente de língua inglesa e francesa. Foi também empresário, editor, crítico literário, jornalista, comentador político, tradutor, inventor, astrólogo e publicitário, e ao mesmo tempo redigia suas obras em verso e prosa.

Como poeta, era conhecido por suas múltiplas personalidades, os heterônimos, que eram e são até hoje objeto da maior parte das pesquisas sobre sua vida e sua obra. Fernando Pessoa morreu em Lisboa, com 47 anos de idade, ocasionada por uma cólica hepática originada por um cálculo biliar associado à cirrose hepática, um diagnóstico que até hoje é questionado por vários médicos. Ele ficou muito conhecido como grande prosador do modernismo (ou futurismo) em Portugal. Expressando-se tanto com o seu próprio nome, como através dos seus heterônimos. Entre estes ficaram famosos três: Alberto Caeiro, Álvaro de Campos e Ricardo Reis. Sendo que as suas participações literárias se espalhavam por varias publicações, das quais se destacam: Athena, Presença, Orpheu, Centauro, Portugal Futurista, Contemporânea, Exílio, A Águia, Gládio. Estas colaborações eram tanto em prosa como em verso.

Os últimos anos são vividos em aflição. Os seus projetos intelectuais não se concretizavam por completo, nem sequer em parte. Verdadeiramente é que esta falta de resultados reais o deixava a um desespero cada vez mais intenso. Foi um profeta que aguardava a concretização da sua profecia, mas que morreu sem ver sequer o principio da sua realização.

Deixe um comentário