Novo RG – Como Fazer

Para começar a implantar o novo Registro de Identidade Civil (RIC), que vai substituir o velho RG a partir dos próximos meses, o governo tem a intenção custear os primeiros 2 milhões de cartões, com valor estimado de R$ 40 cada, segundo Paulo Ayram, secretário-executivo do comitê gestor que cuida do tema no Ministério da Justiça (MJ). Segundo o mesmo, os primeiros Registros de Identidade (RIC) serão lançados para um intervalo de um ano de analises. Além disso, Ayram garante que os valores não serão transferidos para o cidadão a principio, e que quando forem à estimativa é de que o cartão custe R$ 15.

“O alto valor é porque nós temos dois custos, o custo físico do cartão e a certificação digital, que sai mais de R$ 100 cada. Para esses cartões iniciais, o governo fez um acordo com a Casa da Moeda e conseguiu obter o valor de R$ 40, que ele mesmo está bancando”, explica o secretário.

Ayram fala que o primeiro andamento para diminuir os valores quando o projeto ocorrer nacionalmente é tornar o valor único para todos os estados e no Distrito Federal o valor pago para emitir o documento, já que hoje cada estado cobra um valor diferente. De acordo com o Ministério da Justiça, a partir dos próximos meses, parte dos residentes de Brasília, Rio de Janeiro, Salvador, Hidrolândia (GO), Ilha de Itamaracá (PE), Nísia Floresta (RN) e Rio Sono (TO) irão receber telegramas com uma convocação para a troca do antigo documento.

O RIC, lançado formalmente em 30 de dezembro de 2010, deve substituir progressivamente às atuais cédulas do RG. A perspectiva é de que a troca de todos os documentos de identidade seja feita em um prazo de 10 anos. O chip contido no RIC deve unir informações como gênero, nacionalidade, data de nascimento, foto, filiação, naturalidade, assinatura e local de expedição. Para obter informações de Como Tirar o Novo RG acesse: www.novorg.net

2 Comentários

  1. Liliane says:

    imitaçao barata do ID dos EUA…

  2. Gra says:

    NOssa que matéria mais interessante, adOrei…Pena que nãO vOu fazer um nOvO RG este anO…
    Vai que eu case quem sabe até 2013, e vOu ter que fazer tudO nOvamente…
    Nem pensar esperarei até lá…

Deixe um comentário