Raça de cães para criar em apartamento.

Para começar este artigo, primeiramente é preciso usar bom senso na hora de escolher um cão que irá ser criado em apartamento ou casas pequenas sem quintal. É óbvio que em um espaço pequeno o ideal é você escolher um cachorro de pequeno porte, nó máximo um de tamanho médio.

Partindo desse ponto básico, a segunda coisa é escolher cães de bom temperamento, se no apartamento viverem crianças, escolha uma raça adequada, pois o cachorro vai ser importante na vida e no desenvolvimento deles.

Uma raça muito educada e que gosto muito é a Shih Tzu, inclusive tenho um. Os cães são extremamente dóceis e amam ficar por perto daqueles que fazem carinho neles. São indicados para áreas de convivência em apartamentos ou áreas similares.

Geralmente são inteligentes e limpos. Nunca dormem no mesmo lugar onde defecam. Se adaptam bem a pisos frios (devido a sua pelagem e origem) e adoram ficar deitados perto do dono ou de alguém que gostam muito. Diferente de outras raças, o Shih Tzu pode ficar sozinho sem problemas, é uma raça muito independente, em geral não são muito barulhentos e nem roiem tudo pela frente.

Mas atenção o Shih Tzu precisa de cuidados constantes no pelo, precisam ser escovados dia sim, dia não, se não tiver alguém para dispensar essa atenção a ele é melhor escolher outra raça.

Uma raça pequena e muito fofa é o Bichón Frisé, eles são alegres, gostam de crianças e idosos, mas odeiam ficar sozinhos, se você e sua família costumam viajar ou se ausentar muito essa raça não é aconselhavel. Os pelos também dão bastante trabalho e precisam de manutenção constante.

Uma raça de pelo curto ou longo que não necessita de muita manutenção é o Chihuahuas, são fieis e amorosos e ótimos para apartamentos.

Existem várias outras raças, se quiser conhecê-las separamos um video que apresenta várias raças de pequeno porte, com certeza você vai se apaixonar por alguma delas, clique aqui e assista.

Os cães trazem alegria ao lar, e são ótima compania, escolha uma raça adequada e não terá arrependimentos.

Deixe um comentário